A A A

A propósito do projeto “Parlamento dos Jovens”, a deputada Júlia Rodrigues participou numa sessão na escola que juntou os jovens que integram as listas do ensino básico e secundário deste projeto, que este ano propõe aos jovens mais novos que debatam o racismo, o preconceito e a discriminação e aos mais velhos as assimetrias entre o interior e o litoral. 

A lista P, ou “Família P”, como gosta de ser tratada, venceu as eleições e tornou-se a Associação dos Estudantes da ESAB no ano 2015/2016. O Outra Presença quis conhecer melhor estes jovens que encabeçaram um projeto e o tornaram um sucesso eleitoral. À conversa com o OP estiveram o João Silva, presidente, a Mariana Pereira, vice-presidente, o João Trigo, e o Pedro Pacheco.

No âmbito da sexta edição do festival Plast&Cine, a companhia de Teatro de Garagem mergulha novamente no universo transmontano numa viagem sobre os ciclos temáticos das obras da artista Graça Morais. Com o título “ Graça. Suite teatral em três movimentos”, o espetáculo surge como uma homenagem à vida e obra da pintora, debruçando-se sobre as suas notas e apontamentos. Um teatro que demonstra a presença evidente da paisagem e das gentes transmontanas nas pinturas de Graça Morais, apresenta-se como uma entrada no mundo da pintora feita através de uma companhia que tem vindo a realizar vários projetos em conjunto com o Teatro  Municipal de Bragança. Esta é uma razão mais que suficiente para o Outra Presença querer saber mais sobre a peça e seus protagonistas. Porém, não é a única: o Teatro Garagem nasceu, como este jornal, em 1989. Celebrou 25 anos, portanto. No dia da estreia da peça, o Outra Presença foi recebido pelos seus atores e encenador, os quais responderam abertamente às perguntas que lhes foram colocadas.

Em que consiste a propagação in vitro?
R.: Consiste em manter, num ambiente estéril e controlado, plantas, de maneira a otimizar a produção, quer seja de biomassa, quer de compostos secundários (usados em farmacologia, cosmética e biotecnologias).

Joana Gonçalves é brigantina e foi aluna desta escola até optar pelo curso de Artes e mudar para a Emídio Garcia. Ainda assim, continuou a frequentar o Clube de Jornalismo e era visita assídua na biblioteca. Enveredou pela arquitetura e a sua Dissertação de Mestrado “Tradição em Continuidade: Levantamento das Quintas da Terra Fria Transmontana e Contributos para a Sustentabilidade”, foi distinguida com o Prémio Ibérico de Investigação da Arquitectura Tradicional. O Outra Presença não podia, portanto, deixar de conversar com ela.

 

Moodle Appliance - Powered by Solemp