A A A

Buracos negros: os lugares mais secretos do Universo” foi o tema escolhido por Francisco Lobo para apresentar, através do sistema de videoconferência, ao 12ºB do Agrupamento de Escolas Abade de Baçal, no dia 28 de outubro.

No âmbito da disciplina de Física, assisti a uma palestra sobre o tema: “A Astrofísica na fição científica”. Esta decorreu online em presença da turma do 12º ano de Física e foi presidida por Santiago González Gaitán, Pós-Doutorado - FCT, que começou por referir que iria abordar erros em termos Físicos em três filmes. Os filmes escolhidos foram “Avatar” de 2009, “Gravidade” de 2013 e “Interestellar” de 2014. 

O Departamento de Ciências Experimentais e o Clube de Ciência e Tecnologia, em articulação com as Bibliotecas Escolares do Agrupamento de Escola Abade de Baçal, comemoraram o “Dia Internacional da Ciência”. No dia 24 de novembro, no átrio da Biblioteca da Escola Abade de Baçal, na Biblioteca da Escola Augusto Moreno e no laboratório de Físico-Química da Escola Básica de Izeda, foram realizadas atividades experimentais que visaram a divulgação da ciência e a promoção da cultura científica.

Decorreu no dia 25 de fevereiro de 2015 a primeira fase das competições nacionais do projeto PMate organizadas pela Universidade de Aveiro. O Departamento de Matemática da escola assumiu, mais uma vez, a responsabilidade de dinamizar esta atividade. Inscreveram-se nas várias competições: Diz3(3º e 4º ano); Diz+(5º e 6ano); EQUAmat(7ºao12ºano); língua EM REDE(3ºciclo) e FisqEmrede(9ºano) cerca de 508 alunos. Participaram as escolas: Abade Baçal, Augusto Moreno, Colégio São João de Brito, Escola Secundária Miguel Torga, Escola Básica e Secundária de Alfandega da Fé e Agrupamento de Escolas de Macedo de Cavaleiros. As provas decorreram das 9 às 17h15min.

No âmbito da disciplina de Física tive oportunidade de assistir a uma palestra sobre o tema “A ERA DOS BURACOS NEGROS E DAS ONDAS GRAVITACIONAIS”, que decorreu on-line com a presença dos alunos que escolheram como disciplina opcional Física no 12º Ano e que foi presidida por um aluno de doutoramento, Nelson Eiró. 

 

Depois da apresentação, o orador iniciou a mesma com uma explicação sobre o modo como as ondas gravitacionais podem interferir no deslocamento da luz. Para o comprovar, mostrou uma imagem construída em 3D que descreve como a luz pode e é dobrada/desviada da sua rota original quando é sujeita a ondas gravitacionais muito fortes.

No dia 27 de novembro de 2015, um cientista foi à nossa escola, Colégio Sagrado Coração de Jesus. Apareceu de surpresa, não estávamos a contar e passámos a tarde a fazer experiências.

A primeira eliminatória das Olimpíadas Portuguesas de Biologia contemplava conteúdos de 10º, 11º e 12º anos, abordados até à data da sua realização e decorreu no dia 7 de janeiro, pelas 14 horas e 30 minutos, com a duração de 90 minutos. Dados revelados pela OPB indicam que aderiram a esta iniciativa mais de 7000 estudantes de 299 Escolas.

O preço do gasóleo e da gasolina sobe todos os anos. O seu consumo aumenta e as reservas diminuem, causando problemas económicos, políticos e ameaças de guerra.

Além disso, a combustão dos combustíveis fósseis é muito prejudicial para o planeta, dado que as emissões de dióxido de carbono, para a atmosfera, contribuem para o aumento do efeito de estufa. Com efeito, por cada 3,8 litros de gasolina queimados num carro, são libertados 10 kg de CO2 para a atmosfera.

Palestra sobre Aquecimento Global

A palestra surgiu no seguimento da cimeira mundial do clima, realizada em Paris, na qual se reuniram os líderes mundiais para definir os objetivos e estratégias de diminuição da concentração dos gases de efeito de estufa na atmosfera.

No dia 20 de março de 2015, ocorreu um eclipse solar que foi possível visualizar de várias regiões da europa incluindo Portugal. Dada a localização do nosso país no globo, este eclipse, em Portugal, foi apenas parcial tendo a maior percentagem (77%) sido atingida nos Açores. O eclipse total apenas foi visível no extremo norte do oceano Atlântico, nas ilhas Faroé, Slvalbard e na região ártica.

Sentados numa cadeira, com um rebuçado na boca a acompanhar um café, um chá ou simplesmente um copo de água e com o ligeiro som do rio Fervença a atravessar as paredes da parte térrea da Casa da Seda, aconteceu a 7 de fevereiro às 21:30 um “café de ciência”, atividade divulgada com entusiasmo pelo Centro de Ciência Viva de Bragança, no qual foram dados a conhecer a todos os participantes alguns factos e mistérios sobre aquilo que rodeia o nosso pequeno rochedo azul.

No dia 26 de novembro de 2014, no âmbito da disciplina de Biologia e Geologia, foi organizada, com a colaboração do Centro de Ciência Viva de Bragança, uma atividade para os alunos de 11º B, acompanhados pela professora Sónia Rodrigues, no Instituto Politécnico de Bragança, sobre a “Micropropagação de plantas”, conteúdo contemplado no programa da disciplina em contexto de sala de aula. A atividade, de carácter prático, foi coordenada pela Professora Maria João Sousa e envolveu ativamente os alunos. Do CCVB esteve presente, nas duas atividades, a Engenheira Clotilde Nogueira.

Foi à conversa com o geólogo Rui Alves Vieira, no dia 19 de dezembro, às 21:30h, na Casa da Seda, que ficámos a saber um pouco mais sobre o conhecido “ouro negro”.

O orador iniciou a sua apresentação informal com um ditado árabe (“O meu pai andava de camelo, eu ando de Rolls-Royce, o meu filho anda de avião a jacto e o filho dele há-de voltar a andar de camelo “) para explicar que os nossos antepassados não tiveram a oportunidade de usufruir dos vários derivados do petróleo, como veículos motorizados, e que essa é exatamente a realidade que espera as gerações futuras, caso o homem não consiga superar o obstáculo “fim do petróleo”.

Anaísa Moreira, do 11ºA, ficou entre os 13 melhores classificados na prova nacional das Olimpíadas de Química, sendo, por isso, convidada para as sessões de preparação para as competições internacionais.

José Seco, que é licenciado em Biologia e mestre em Ecologia pela Universidade de Coimbra e integrou a primeira campanha polar de Portugal em 2011-2012, compareceu dia 27 de março em mais um café de ciência, onde deu o testemunho da sua participação no projeto PENGUIN.

A reabilitação consiste num processo global e dinâmico, orientado para a recuperação física e psicológica da pessoa portadora da deficiência, tendo em vista a sua reintegração social.

 

Moodle Appliance - Powered by Solemp